interior opinión

Por Moisés Pérez Mok

Brasília (Prensa Latina) A intervenção e ocupação militar de áreas pobres no Brasil, como é o caso das favelas do Rio de Janeiro, é um recurso que já foi experimentado e que não deu.


Brasília, 18 out (Prensa Latina) A sanção presidencial do projeto de lei que retira da justiça comum o julgamento de crimes dolosos contra a vida de civis cometidos por militares brasileiros é apreciado há dois dias como o outorgamento de uma ''licença para matar''.


Sochi, Rússia, 16 out (Prensa Latina) Rússia advertiu hoje sobre o perigo da divulgação de notícias falsas, pois influem em decisões importantes como já aconteceu com a invasão em Iraque, Líbia ou Síria, e chamou aos jovens do mundo a combater essa prática.


Beijing, 16 out (Prensa Latina) O Partido Comunista da Chinesa (PCCh) entrou hoje na fase final para seu 19o Congresso, depois de definir os documentos a serem debatidos no evento e apresentar outras formações políticas para o enriquecer com novas visões.


La Paz, 13 out (Prensa Latina) O presidente boliviano, Evo Morales, afirmou que o mandatário norte-americano, Donald Trump, deu as costas ao multilateralismo, ao retirar os Estados Unidos da Organização de Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco).


Guatemala, 11 out (Prensa Latina) De uma fralda jogada no colo de uma pequena de menos de 14 anos, aparece a face de uma pequenina de cerca de 12 meses. É sua irmãzinha?, pergunto, e esquiva ao olhar ela corre e desaparece no mesmo instante para não admitir a vergonha de uma confissão.


Caracas, 8 out (Prensa Latina) A possibilidade de uma alta abstenção nas eleições regionais na Venezuela no próximo domingo dificulta emitir prognósticos, indica hoje o jornalista e analista político Eleazar Díaz Rangel.


Santiago de Chile (Prensa Latina) Por essas singularidades da história todo parece demonstrar que duas personalidades do Chile, com camihnos muito diferentes, foram assassinadas da mesma forma e por ordem do general-de-exército que encabeçou a ditadura da direita no país com o apoio do governo norte-americano.


Washington, 3 out (Prensa Latina) O tiroteio mais fatal da história estadunidense trouxe consigo novos confrontos entre aqueles que exigem hoje um maior controle da posse de armas e aqueles que negam que este seja o momento para falar desses artefatos.


Moscou, (Prensa Latina) Os interesses da Rússia e dos Estados Unidos, finalmente, parecem se chocar na Síria, tanto na frente política como militar, com perigo que a faísca da discórdia provoque um fogo nada favorável para a estabilidade mundial.